terça-feira, 23 de dezembro de 2008

A Christmas Suggestion

Ainda vou a tempo de sugerir boa música para ouvir amanhã à noite, para contrariar o que nos emprenham pelos ouvidos constantemente, e infelizmente, cada vez mais cedo. Este ano começou por volta do início de Novembro! Livremos os nossos ouvidos dessas coisas.


Os Jethro Tull, banda clássica do Rock, e que será certamente mais vezes falada aqui, lançaram em 2003 o seu 22º, e, até ao momento, último álbum. O carismático Ian Anderson, líder, flautista, compositor, vocalista, etc., resolveu criar um álbum de Natal. Para isso, decidiu dar uma nova cor (cor Jethro, sem dúvida) a clássicos tradicionais relativos à época, juntamente com novas composições, e novos arranjos de músicas da própria banda, que já antes pareciam estar próximas das temáticas Natalícias, como "Fire at Midnight" ou "Weathercock", da fase mais Folk da banda. O estilo da banda encaixa perfeitamente no que se pretende para um disco de músicas de Natal: que mostrem todo o espírito que o Natal verdadeiramente possui, e que as músicas que nos os bombardeiam por todo o lado estão de facto muito longe de conseguir ter. A flauta do Ian Anderson parece soar ainda melhor do que outras vezes e desempenha um papel fulcral nesse espírito que a banda conseguiu incorporar na música deste disco. Para os mais interessados, pode ler-se a opinião do Ian relativamente ao disco aqui.
É devido a tudo isto que este álbum se tornou, sem dúvida, na minha preferência musical para esta época do ano, desde o Natal do ano passado, em que me deixei acompanhar por ele pela primeira vez. Assim será para muitos anos, espero.

Neste Natal, não se esqueçam então de se deixarem acompanhar por boa música, bem como de recordarem essa grande personalidade da história, cujos ensinamentos sobreviveram até hoje, e cujo nascimento celebramos no dia 25 de Dezembro, que é, obviamente, o grande Isaac Newton!

Bom Natal a todos!

1 comentário:

Zé Pedro Choi disse...

ahh sim, Jethro Tull é sempre bom de se ouvir todo o ano.
Mas clao, o Christmas Álbum de optimo de se ouvir na noite de Natal, pois produz um espírito natalício como nem o Jingle Bells faz.