quinta-feira, 14 de maio de 2015

A propósito do acordo ortográfico

Escrevi, há já alguns anos atrás, na verdade há mais anos do que a minha percepção me parecia indicar um texto sobre o acordo ortográfico. Esta frase foi só uma maneira de meter à força a palavra percepção como ele deve e merece ser escrita. Alguns anos passaram, e tenho mais ou menos a mesma opinião. Há no entanto mais um dado, bastante grave a meu ver, que tem que ver com efeitos fonológicos nocivos e altamente deletérios do novo ortográfico. Refiro-me ao modo como palavras como espectro, sector, corrector estão, cada vez mais, a ser pronunciadas. Confesso que, à época, não previa tal cenário de causalidade entre o novo acordo ortográfico e a maneira errada com que algumas palavras, estão, frequentemente, a ser pronunciadas, algo que me está a surpreender bastante, e que, com toda a sinceridade, duvidava de tal efeito do novo acordo. Sem mais assunto, deixo este facto que cada vez mais observo, e que, tristemente, cada vez mais me inquieta.

Sem comentários: